Browsing Category

Diário de Viagem

Diário de Viagem Mil Fotos Pra Você The Road Is Home

Frio, Frio

junho 26, 2015

 

Não é mais novidade para ninguém: basta o tempo esfriar que as agulhas passam a ser minhas companheiras intimas. Sinto que vou ter um treco se não tricotar, seja lá o que for.

Então, ontem acordei muito animada, e fui para o centro da cidade procurar alguma loja para comprar o material.Para minha surpresa, tudo aqui é bem caro. Por que cidade pequena tem a mania de vender as coisas mais caras em relação as grandes cidades?

É verdade que eu poderia ter comprado tudo em Brasília, e colocado na mala. Mas ao fazer isso eu perderia a oportunidade de andar pelas ruas procurando o material, conhecer lugares novos, sentir o vento frio no rosto e não teria conhecido a atendente da loja, tão calma e prestativa. Pagar um pouco a mais pode ter suas vantagens.

E como dizia meu pai: “Homem foi feito para trabalhar,dinheiro para gastar e carro pra rodar por aí…” E eu concordo em gênero, número e grau com ele.

No mais passei o dia inteiro tricotando e ouvindo Frío ,Frío de Juan L. Guerra e com uma vontade louca de dançar. Mas no meu quarto só tem o Orfeu e ele não gostou muito bem da ideia,quando eu coloquei ele no colo e saí rodopiando. Deveria ter filmado isso pra mostrar aqui hahahah!

Ah!, eis meu trabalho pronto 🙂

 

 

 

 

 

 

Beijo

 

Diário de Viagem Mil Fotos Pra Você The Road Is Home

Memórias De Um Inverno

junho 24, 2015

 

Hoje acordei com vozes vindas da cozinha. Na verdade isso acontece todos os dias aqui;pois meu quarto fica ao lado dela e as pessoas chegam bem cedo para o café da manhã.Não estou reclamando,é só um ritmo diferente do que  estou acostumada…

Como tenho feito todo os dias desde que cheguei, saio para uma caminhada matinal com o Orfeu. Mas ele não aproveita como um cachorro normal, já que costuma se estressar com qualquer pessoa pelo caminho e tudo fica muito tenso. Tirar foto então, é um custo. Embora não tenha acontecido nada de divertido,o frio ainda é bem tranquilo e no geral o dia foi bom.

Agora preciso ir,pois o cheiro de bolinho de arroz acaba de invadir meu quarto e isso é um trem muito bom…

Acho tão divertido sair procurando produtos com embalagens que eu não costumo encontrar na minha cidade, como essa embalagem de leite.

E esse capuccinno  🙂

Um piso bonito

 

 

 

 

Beijos!

 

Diário de Viagem Mil Fotos Pra Você The Road Is Home

The Road Is Home

junho 22, 2015

 

E ontem o primeiro dia de inverno às 5:20, estava na estrada rumo a surpresas que uma viagem pode proporcionar…O sol saiu timidamente e o vento frio bagunçava meu cabelo.Para essa semana meu mundo cabe em uma mala média, e só do que preciso é: do meu cachorro, duas máquinas fotográficas, luvas, meias, cachecol, casaco e muito cappuccino.

Nove horas na estrada chego no Estado de MG com uma pequena dor de cabeça, um coração apertado, mas acreditando que terei uma semana incrível. Afinal de contas começou a estação do ano que é muito amor e minha preferida.Então que ela me surpreenda. Que assim seja!!!

 

 

 

 

 

 

 

Foto editada

Ps.As fotos deste post foram feitas com minha antiga máquina – Power Shot G10  com lente fixa.

Beijos

 

Diário de Viagem

Não Posso Esperar

abril 7, 2015

Reza uma antiga lenda que você precisa esperar a hora certa para fotografar.Mas e se você se encontra dentro de um carro há 140/h por hora, o sol começa a nascer e tem toda aquela vibração, então você não pode fotografar, é isso?Hum…
Creio que não.Desculpa mas eu realmente não posso esperar.

Fotos: Canon Power Shot G10 

 🙂

Diário de Viagem Oi!

Little Araxá.

julho 21, 2013
Estava escuro e  não queria
sair da cama, mas precisava.Ainda assim enrolei mais um pouco, pois estava confusa
naquela manhã fria e o vento congelava meu rosto.Aproveitei para usar a
touca que ganhei da mamãe. Agradeci pelo presente ter sido tão útil. Arrastei -me até a porta por que não tinha outro jeito ,tinha que pegar a estrada.
Enrolei mais um pouco pra colocar
tudo no carro. Na verdade eu não enrolei,por que é justamente  nesse momento que  tudo fica na suas costas mesmo; pegar as malas,
verificar se fechei todas as janelas, escrever um bilhete para o Rodrigo cuidar
bem dos meus cachorros [Trilha e o Valente]e de quebra pra ele dá uma olhadinha
no meu hamster, que ficou no ateliê.

Tudo resolvido coloquei a coleira no Orfeu; sim, por que
ele é minha sombra e não posso deixá-lo.Mas,aí ele faz birra e rola de lá pra
cá atrasando tudo e todo mundo. Consigo perceber os olhares de cobrança tipo:
olha era pra sair às 04h00min e agora já são 05h00min.

Mas respiro e penso: ah, quer
saber, Araxá vai continuara lá, mesmo que eu chegue com um mês de atraso.
Entro no carro, e fecho os olhos por que não estou a
fim de ver pela  36746363834858753 a
paisagem que passei tantas vezes. Fazer a mesma coisa muitas vezes é
chato. Pensei que seria bom se conseguisse dormir e acordar 8 horas depois, mas
nada feito.
O Orfeu estava inquieto como sempre.Olhei o celular algumas vezes, na esperança de encontrar  sinal, sem êxito.
A semana seria longa, muito longa sem internet.
Depois de várias horas de viagem chegamos ao nosso destino, e para minha surpresa,Araxá estava convidativa como nunca:estava fria,rosa e florida. Juro que achei que
estava louca. É como se  me dissesse: olha, eu posso ser legal mesmo sendo
uma cidade pequena.
E pela
primeira vez na vida cogitei a possibilidade de voltar a viver no interior. Fiquei curiosa pra saber como seria morar ali, começar do zero e
sozinha…

Estive tantas vezes neste  lugar e ele nunca esteve tão bonito.Será que alguém já pensou em se casar aqui?
A  mami e o Orfeu!
Morgânia já está em Brasília e
anda pensando seriamente no convite. E falou que até o fim de ano muda de vida.

Diário de Viagem Oi!

Amigos Virtuais, Primeira e Segunda Parte.

janeiro 3, 2013

Até este post ser publicado eu tinha 4.693 contatos no flickr, eu sei que não é um bilhão, mesmo assim eu acho muito.
E foi através desta galeria que fiz muitos amigos, e que ao longo dos anos, alguns deixaram de ser virtuais e agora são físicos, para minha alegria…
Já comentei aqui e em algumas redes sociais,que a Jádia veio do Rio de Janeiro, para me  conhecer pessoalmente, e foi um dos melhores momentos de 2012.

O encontro na verdade seria em Goiânia,comprei passagem no dia 23 de dezembro, e quando estava dentro do ônibus o Leandro começou a passar mal O.O
Sai do ônibus,e voltei pra casa completamente frustrada(…)
Entrei no facebook e postei a foto da passagem, queria que ela soubesse que eu tentei, mas que por algum motivo ainda não era a hora, parece que realmente tudo tem seu tempo.

A mãe dela, escreveu na minha página,que tudo daria certo, na hora eu não entendi, o que aquela frase queria dizer.
Dia 25 recebo, uma mensagem no celular, onde a Jádia,falava que viria para Brasília :)))))
No dia seguinte 8:05, o telefone toca e ela me disse que já estava a caminho.
E por mais doido que pareça ela tinha a voz que eu achava que teria.
Foram as três horas mais felizes, intensas e cheia de curiosidade e uma dose de medo também.
Porque você da uma surtada,tipo:
Será que ela vai gostar de mim?
Da minha voz?
De conversar comigo?
Não vai me achar boba ou séria demais?
É tanta coisa e sentimentos misturados, que você fica meio tonta.

Veio toda a família, e eu me senti a pessoa mais querida diante de tudo o que estava acontecendo.
Eles chegaram às 11:00 e iria voltar às 6:00, então foi a hora de aproveitar.Fomos ao shopping, e claro,aos monumentos da cidade.Não tirei muitas fotos, pois eu estava ocupada demais me divertindo.

Vem comigo para te mostrar  como foi esse dia.

 Aproveitamos para dar uma voltinha no Pátio Brasil 
 A Jádia escolheu o Burger King,para almoçarmos, e lá fomos nós engordar mais um pouquinho 
 A Nicole é uma fofa e se divertiu muito. 
 O sol estava de matar 
 Bom ser criança 
Como  ela iria ficar até dia 31,eu aproveitei para ir até Goiânia para  retribui a visita, nada mais justo né? 
No dia seguinte estava eu sozinha na rodoviária, para ir ao encontro dela.
Fomos para o Flamboyant, já que ele é o melhor shopping da cidade.
Dei um pulinho no Fran’s Café,falei que sou maluca por cafés?
 E ao contrário de Brasília,Goiânia choveu o dia inteiro.

 Aproveitando a máquina da Jádia,  o/ tão linda, que eu já quero uma pra ontem 
 Foto da Jádia 
 Nicole curtindo seu sorvete 
O Nícolas é um fofo,saudades da nossa hora do abraço fofinho.
Deixa eu explicar, ele disse que gostou tanto de mim, que precisava me abraçar o tempo todo, então inventamos “a hora do abraço” e de hora em hora rolava o maior abraço entre a gente, adorei.
 Levei mais um anel do Darth Vader para a Jádia,ela ama Star Wars 
 Momento feliz para Nicole e o Nícolas 
 Hora de dizer tchau e voltar pra casa 
Bom de quebra fiz uma montagen de fotos para deixar esse post mais legal.
Aproveitem! 
Amizade não se explica, é uma coisa da qual você não pode lutar,ela acontece e pronto.
Eu só desejo que vocês, possam ter amigos de verdade,sempre.
Geise obrigada por realizar esse nosso sonho Ü
Mas agora eu fiquei com vontade de conhecer todos os meus contatos,pode?
Por hoje é isso pessoal, beijo, beijo.
Diário de Viagem Oi!

Vovó Josefa, Eu Fiz Uma Tatuagem.

dezembro 12, 2012

Quanto entrei na faculdade conheci a Daniela, 17, baixinha, loira, (pintava o cabelo) inteligente, fofa e amava Rock Roll. No segundo dia, já estávamos grudadas, a Dani, me ensinou o quanto é bom abraçar alguém, até então eu não gostava muito.Ela é do tipo que abraça se está feliz, se está triste, se está com fome, se chega, se sai, tudo era motivo para um abraço,eu achava bem estranho, afinal de contas não estava acostumada,com tantas manifestações de carinho,em uma única noite.

Como eu, ela tinha um piercing(tenho um na orelha)o dela no nariz,pintamos o cabelo de roxo hahahahah, e queríamos muito, mas muito mesmo, fazer uma tatuagem.Eu nunca tive medo de agulhas,nem ela, mas a questão, é que a mãe dela não deixava.
Então ela ficava sonhando com o grande dia, que faríamos juntas, a tal tatuagem.
A dela seria uma estrela e a minha teria quer ser com pássaros e livres.Mas a Dani desistiu no meio do curso, triste fato esse,ficar sozinha em uma sala com 70 alunos foi um saco, encontrar uma outra pessoa para fazer trabalhos e tal, era terrível, mas enfim, as coisas acabaram se ajeitando com o tempo. E o nosso sonho ficou guardado em um pedaço de papel em uma gaveta qualquer.
Depois de um tempo,recebo um e-mail dela falando, que fez a tatuagem,mandou foto e tudo.Eu fiquei feliz por ela,a mãe dela não.
Acabei esquecendo,sei lá, achando que passou do tempo, que agora não tinha mais graça fazer sozinha.
No começo desse ano estive em Minas,falei aqui. E a Letícia falei dela aqui, fez uma tatuagem linda com a sua irmã Gabriele soeurs, que significa: irmã em francês.Então falei da minha vontade, mas brinquei falando que tinha medo de não ir pro céu,já que minha avó materna diz que é coisa do diabo.
Mas em maio a Lê me mandou esse e-mail no meu aniversário:
Então acabei resolvendo,que faria na próxima vez que fosse em Minas.
Aproveitei o último feriado,que estava em Araxá e a Letícia marcou uma hora no Estúdio 33,o melhor da cidade.
E depois de voltar às 4:00 da manhã da festa de 50 anos da irmã do Leandro,no sábado,no horário marcado chegamos ao local.O Ton conversou um pouco comigo,meninas ele é muito gente boa, é divertido e te deixa bem a vontade,coisa que acredito ser fundamental,já que se tratando de algo definitivo,você precisa está no mínimo confortável. Mostrei a minha ideia e ele foi fazer o desenho,melhorar aqui e ali,…A foto que inspirou foi a que a Fran colocou no flickr dela,no mesmo mês,comentei com ela na época, que gostaria de fazer uma tatuagem assim, e ela adorou.
E olhe só o a descrição da foto:
“Os sonhos ficam entre as nuvens, às vezes é preciso voar pra alcançar o que se sonha, liberte-se para novos ares, sinta-se leve como um pássaro e deixe a brisa te levar….

 Quem sonha e não acredita, nunca saberá o que é voar”.

  Francinne Lopes

Quando eu vivia com meu pai,ele não permitia que  eu fizesse nada,era da casa colégio,colégio pra casa.,Eu sempre me sentir a pessoa mais presa e triste do mundo.E covarde demais para colocar a mochila nas costas e fugir.
Meu sonho era sumir.
Então  por isso a minha tattoo tinha quer ser com pássaros,precisava lembrar pra sempre que agora  eu sou livre.Mas veja bem, você não precisa fazer uma tattoo,para provar alguma coisa,eu quis fazer, talvez por ser fraca demais,insegura…Mas faça porque você quer, porque é seu sonho, porque gosta,não seja uma Maria vai com as outras, isso não é legal.
Agora fiquem com as fotos que a Lê tirou no dia:
Meus potinhos de tinta
Foto completamente desfocada,mas foi a única que a Letícia tirou na hora e eu não olhei como tinha ficado, a pele fica bem vermelha .
Pronta em menos de 15 minutos,o cara e muito bom gente.
Me sentindo um tender de Natal Ü
O tatuador Ton, eu estava nesta foto, mas acabei dormindo,então deixei só ele
E ela prontinha Ü
Foi nesta colagem de fotos que encontrei  no weheartit.com, alguém com a tatuagem que eu queria.
E já estou caída de amores por essa  imagine, é tão perfeita, que quem sabe na próxima.

 

Por hoje é isso pessoal,beijo,beijo
Ficou afim de fazer uma?
O Estúdio 33 fica na Avenida Antônio Carlos- Centro- Araxá
Mas se você vive ou não em Araxá,e quer fazer uma tatuagem procure o Tom,faça um orçamento,e diz que eu mandei um oi!

 

 

Diário de Viagem Oi!

O Amor é Racional?

dezembro 4, 2012

Olá meninas!!!

Quem me conhece um pouquinho, sabe que eu não sou muito fã de viagens(a louca, eu sei) sair da minha zona de conforto sempre me assusta.Mesmo assim ainda espero conhecer alguns lugares fora do Brasil.
Mas estava eu aqui no sábado, quando recebo a seguinte mensagem de uma pessoa muito querida:
A Letícia é sobrinha do Leandro, e eu a conheço desde que ela tinha 4 anos,agora ela tem 17,e nós sempre formos muito ligadas,mesmo não vivendo na mesma cidade, não sei explicar,mas faria qualquer coisa por ela, desde quando não prejudicasse alguém é claro.
Ela vive em Araxá, e ano que vem vai  para Viçosa fazer arquitetura, isso significa que nos veremos cada vez menos 🙁
Quando soube que ela estava  tão perto,surtei…tinha que  vê-la.Ela veio para festa de formatura da Juliana e iria ficar até domingo.
No dia seguinte acordei muito cedo, nem precisava,Goiânia só fica há duas horas e meia  de Brasília,a estrada é duplicada e super tranquila,bem pertinho na minha opinião,levando em consideração que a gente fica horas em congestionamentos aqui, isso era fichinha.
Pegamos chuva  e frio a viagem inteira,o sol não deu as caras,então nada de fotos com qualidade 🙁
Chegamos e fomos logo para o Flamboyant Shopping,o lugar onde nos encontraríamos o/.
Mas vamos para as fotos.
Léticia =D
Letícia,Izabella,e Juliana,meninas vocês são fofas!
Izabella toda feliz,e a Letícia, atualizando o  instagram hahaha
A Izabella com seu franccino
A garota sem noção, que entrou bem na hora do click O.o
Comida nada saudável, mas quem resiste?
Lata mais cute que encontrei no caminho
Livro que comprei na Saraiva, linda essa capa né?
Agora fiquem com um stop motion (tosco)pois foi feio com fotos do celular hahahah,foi divertido fazer,adorei a ideia e pretendo fazer muitos,experimente registrar o seu dia meninas.
Alguém aí é racional, quando se trata de amor? Já fez  uma pequena ou uma grande loucura???
Quero saber,conta vai!

A qualidade do vídeo fica melhor em HD com 720p ou 1080p aqui.

Letícia,já estou com saudades do tamanho do universo de você, te amo!!!
Diário de Viagem Oi!

Dentro do Carro…

novembro 21, 2012

Olá meninas!
Passei o feriado em Minas. Foi bem corrido,mas divertido.
Enquanto estava na estrada,fiquei bolando algumas ideias simples para transformar minha viagem menos cansativa e o tempo passar logo.Afinal de contas, são 8 longas horas na estrada…

1. Leia um livro.
A escolha da vez foi o Diário de um Banana,de Jeff Kinney, ele é bem comédia, desses que faz a gente sorrir o tempo todo,e acaba antes mesmo da viagem terminar, e isso é sério.

2. Desenhe,no seu Journal
É sempre uma boa ideia,mas para escrever é melhor fazer isso nas muitas paradas ao longo do trajeto.
3.Encha um balão
Esse com carinha é tão bonitinho.Eles sempre rendem fotos engraçadas.
Observe,o Leandro olhando pelo retrovisor do carro,deve tá se perguntando: o que essa louca tá aprontando hahaha.
4.Beba muita água.
 O corpo agradece… 
5.Durma
Na verdade, essa eu deixo para o Orfeu,e a Dona Zebra, eu não consigo dormir dentro do carro.
6.Coma porcarias(mas só um pouquinho, tá!).
7.Escolha uma trilha sonora para sua viagem.
Estou precisando urgente, trocar de aparelho =(
8.Eu sei que não pode, mas converse um pouco com o motorista,nem que seja para fazer a velha pergunta: Falta muito?
9.Observe a paisagem.
Quem sabe, não está lá,a inspiração para uma tatuagem… Ü
11.Masque chiclete,esse é bem estiloso,né?
10.Escreva na janela do carro.
Esse marcador da (Window Marker)é ótimo,tem em outras cores,eu queria o azul também, mas só encontrei o rosa, que é tão lindo quanto.Ele sai super fácil tá gente, é só passar a mão,ou um pano e pronto, e sua janela   estará limpa para usar outra vez.
Sigo uma dinâmica que criei,para fazer acontecer e dá certo. 
E aí gostaram meninas?
Agora eu quero saber,se alguém faz alguma coisa para o tempo passar logo?
Ps.Usei minha velha máquina compacta avançada, dentro de um carro em movimento, afinal de contas,não é muito seguro usar uma máquina com lentes que ganhei da mamãe “obrigada mami“(mas isso é uma outra história).
Beijão.